Niki Caro cria Mulan mais realista para o cinema

O filme Mulan terá foco no realismo e, de acordo com a diretora Niki Caro, as canções clássicas da animação de 1998 serão deixadas de lado. O argumento da diretora em entrevista ao Digital Spy é que “não costumamos cantar quando vamos para a guerra”.

Niki considera as canções do desenho animado brilhantes: “Se eu pudesse colocá-las no live-action de Mulan, eu faria. Mas nós honraremos a música do original de uma forma significativa”.

É bom recordar que o primeiro trailer do filme fez referência a “Honrar a todas nós”, primeira música da animação.

Assista ao trailer:

Outro personagem ausente no filme é Mushu, o dragão dublado por Eddie Murphy na animação. O papel desempenhado pelo mascote foi passado para uma fênix. A cineasta afirma que a intenção de criar uma nova versão do personagem se deve a ideia de uma representação dos ancestrais e, mais especificamente, da relação de Mulan com seu pai.

Niki Caro já dirigiu Terra Fria e O Zoológico de Varsóvia. A protagonista de Mulan é uma das atrizes mais populares da China, Liu Yifei, além de Donnie Yen como o mentor Tung e Jet Li como o Imperador. A estreia está marcada para 26 de março de 2020.

Leia também: O Senhor dos Anéis terá dois atores de Game of Trones


Gostou da matéria? Compartilhe. Isso nos ajuda a espalhar bons conteúdos nas redes sociais. Obrigado!

Conheça Presley, o Scooby-Doo da vida real e que tem medo de tudo
25 fotos engraçadas de cachorros implorando por comida em que você não consegue dizer não
Cadela trapaceira foge de casa e finge ser abandonada para conseguir hambúrgueres
Dono abandona Lulu da Pomerânia de cinco meses por ser ‘muito grande’, e se arrepende amargamente