Nasa revela imagem com estrelas um milhão de vezes mais brilhantes que o sol

A imagem da Nasa cobre uma área de 600 anos-luz de extensão e revela detalhes nunca antes vistos, geralmente ocultos por nuvens de poeira cósmica. Chama também atenção o aglomerado dos arcos, com a maior densidade de estrelas na galáxia.

O buraco negro no centro da Via Láctea, chamado Sagitário-A, também é visível como uma mancha brilhante próximo ao centro da imagem.

A imagem foi obtida com o telescópio infravermelho Sofia, montado a bordo de um Boeing 747SP especialmente modificado.

Leia também:

O composto de informações coletadas pelo Sofia foi armazenado com dados dos observatórios espaciais Spitzer, da Nasa, e Herschel, da União Européia. Os dados foram captados em julho de 2019 durante a missão anual do Sofia em Christchurch, Nova Zelândia, onde os cientistas estudam os céus do Hemisfério Sul.

“É incrível ver o centro de nossa galáxia em detalhes que nunca vimos antes”, disse James Radomski, cientista da Associação de Pesquisas Espaciais de Universidades do Sofia Science Center, no Ames Research Center da Nasa, no Vale do Silício.

Leia também:


Gostou da matéria? Compartilhe. Isso nos ajuda a espalhar bons conteúdos nas redes sociais. Obrigado!

Russo burla companhia aérea e embarca com gato gordinho que estava acima do peso: ‘Ele foi pego’
Pastor Alemão viaja de moto com seus pais: ‘Nós criamos um porta-cães na garupa’
As incríveis ‘bolhas’ transparentes dentro de selva da Tailândia onde você pode dormir
Coruja é resgatada porque estava gordinha demais para voar