Cãozinho que aguarda adoção estende a pata para todos que passam por seu canil

Até alguns meses atrás, era impossível passar pelo canil do cãozinho Speck no abrigo da Humane Society de Bullock County, nos EUA, sem parar para dizer um ‘Oi’ para ele.

Sempre que via alguém se aproximando, o cachorro estendia a patinha para fora das grades, tentando cumprimentar o visitante e chamar sua atenção para, quem sabe, adotá-lo.

“Tudo o que ele quer é que as pessoas se aproximem”, disse Desiray Miracle-Wilder, diretora do abrigo. “Ele vai estender a mãozinha e só quer que você o toque e segure a mão dele. E ele fica tão triste quando alguém sai sem cumprimentá-lo…”

Acredite ou não, mas o simpático Speck passou um ano e meio despercebido no abrigo, esperando que uma família o escolhesse. Antes disso, foram mais alguns anos vivendo em situação de rua antes de ser acolhido pela ONG de bem-estar animal.

“Ele se dá bem com qualquer animal ou ser humano. Está sempre tão determinado em receber amor dos outros que não se importa com as circunstâncias ao seu redor”, disse Wilder.

“Ele só quer que você o toque”, acrescentou ela. “Se você se sentar, ele vai se aproximar, levantar a patinha e colocá-la sobre a sua mão”. Fofo demais, né?!

Wilder lembrou de uma vez em que foi limpar o canil de Speck e ficou tocada com o amor e carinho do cachorrinho.

Determinada a ajudar o pequeno a encontrar um lar, ela postou um vídeo em sua página no Facebook mostrando como Spek era fofinho.

O vídeo rapidamente viralizou, sendo assistido mais de 290 mil vezes em poucos dias:

As imagens repercutiram tanto que diversas famílias contataram Wilder, interessadas em adotar Speck.

Após algumas semanas de conversas, o cachorrinho finalmente foi adotado e agora mora em uma fazenda com um casal de agricultores e outros dois cãezinhos! Seja feliz, Speck.

Cachorro que foi baleado à queima por dono passa por incrível recuperação e é adotado
Cachorra que seria sacrificada após ser atacada com ácido é adotada no Canadá
Juntos até o fim: casal de leões morre ao mesmo tempo para não viverem um sem o outro
Pit bull resgatado de rinha criminosa fica todo feliz ao ganhar seu 1º brinquedo